Mercedes revela novo ML

Mercedes revela novo ML

1 514

Mercedes revela novo MLA Mercedes revelou esta semana a nova geração do Classe M, cuja estreia oficial está agendada para o Salão Automóvel de Frankfurt, no próximo mês de Setembro.

Em termos estéticos a terceira geração do Classe M mantém a aparência robusta e surge sem grandes novidades, com destaque apenas para grelha frontal e os grupos ópticos dianteiros com tecnologia LED a seguirem a actual linguagem estilística do construtor, enquanto que a traseira ficou mais harmoniosa, com o conjunto a destacar-se pelas formas suaves e elegantes.

O novo ML promete mais espaço interior, sendo que para tal cresceu 24 mm em comprimento (4804mm), 16mm em largura (2915mm), e ficou mais baixo 19 mm (1796mm), ainda assim distante das dimensões do seu principal rival, o BMW X5 – 4.857mm de comprimento, 1.933mm de largura e 1.776mm de altura. O habitaculo embora tenha apenas algumas evoluções relativamente à anterior geração, está agora mais refinado, mais espaçoso e com qualidade reforçada, graças aos novos revestimentos e ao novo painel de instrumentos. Também o tecto panorâmico aumenta a sensação de espaço a bordo e os cinco lugares individuais garantem espaço para toda a família.

No que toca às motorizações, a gama de motores será composta por duas unidades diesel, o 2.1 litros (ML 250 BlueTEC 4MATIC) com 204 cavalos de potência e um binário máximo de 500 Nm, que promete consumos de apenas 6,0 l/100 km, emissões de CO2 de 158g/km, e uma velocidade máxima de 210 km/h, e o bloco 3.0 litros (ML 350 BlueTEC 4MATIC) com 258 cavalos e um binário de 620 Nm, que terá consumos na ordem dos 6,8 l/100 km e emissões de CO2 de 179 g/km. A velocidade máxima desta versão fixa-se nos 224 km/h.

Na oferta a gasolina será disponibilizado apenas o ML 350 4MATIC BlueEFFICIENCY, com um motor V6 de 3.5 l, 306 cavalos de potência e um binário de 370 Nm, numeros que lhe permitem atingir os 235 km/h de velocidade máxima. Os consumos cifram-se em 8,5l/100 km, a que correspondem emissões de CO2 de 199 g/km.

Para além das versões já faladas, a Mercedes-Benz vai também apresentar uma versão híbrida denominada ML 300 Hybrid, que conjugará o motor 2.1 litros turbodiesel do ML250 BlueTEC com um motor eléctrico de 25 cavalos, e poderá baixar baixar os consumos para os 4,3 l/100 km e emissões de CO2 próximo das 100 gr/km. Todas as unidades estão acopladas à caixa automática de sete velocidades 7G-tronic e dupla embraiagem.

As vendas do novo Mercedes ML devem arrancar já no Outono.

Imagens Mercedes-Benz ML
[nggallery id=203]

1 COMMENT

  1. E lindo e o melhor do mundo eu tenho um ano 2006 e estou muito contente não troco por nada parabéns

Leave a Reply

*