Segurança máxima para que os pilotos da Ford no Mundial de Ralis...

Segurança máxima para que os pilotos da Ford no Mundial de Ralis possam andar rápido

0 591

As hipóteses da Ford ganhar o Campeonato do Mundo de Ralis FIA 2012 são significativamente aumentadas não só pelo facto de o Fiesta RS WRC ser um dos veículos mais rápidos de sempre, mas também o mais seguro.

O Fiesta RS WRC é uma versão de competição do best-seller familiar da Ford na versão de 3 portas, transformado numa “máquina” com 300 cavalos, capaz de ir dos 0 aos 100km/h em menos de 5 segundos.

Embora isso possa ser o principal motivo de interesse para os fãs de ralis, o trabalho que é necessário para manter o piloto e co-piloto seguros enquanto enfrentam os duros e exigentes testes de velocidade em todo o mundo, também os ajuda a correr mais rápido.

"Quando a diferença entre perder ou ganhar um rali pode depender de menos de um segundo temos que ser capazes de confiar no carro, para puxarmos por ele a 100 por cento", disse o piloto Petter Solberg da Ford World Rally Team. "Os acidentes são inevitáveis ??neste desporto, mas eu sei que o Fiesta é um dos carros mais seguros do planeta e isso permite-me fazer o meu trabalho sem medo."

O director da equipa Ford, Malcolm Wilson, fala por experiência própria. Um acidente a grande velocidade num rali provocou-lhe a fractura de ambos os tornozelos em 1980.

"Se cometemos um erro a 160 Km/h podemos ir embater nas árvores ou por uma montanha a baixo", disse ele. "O Fiesta é incrivelmente forte já por si, mas ainda assim empenhámo-nos ao máximo na construção da versão de competição, com uma estrutura tão rígida quanto possível e aproveitámos esses pontos fortes para que ele possa lidar com as forças de colisão que simplesmente não experimentamos numa condução normal.”

"No início dos anos 80 o equipamento de segurança nos veículos era quase inexistente e é incrível que não tenham morrido ou ficado gravemente feridas mais pessoas", afirmou Wilson. "O Fiesta RS WRC é o carro de ralis mais seguro que Ford já produziu."

Além de criar uma estrutura de segurança única, as modificações incluem assentos reposicionados mais longe das portas para ajudar a prevenir lesões provocadas por um impacto lateral, bem como um extintor embutido com saídas espalhadas por todo o interior do veículo. No caso de um acidente inevitável, o risco de incêndio é reduzido devido à estrutura flexível do tanque de combustível, resistente à ruptura e preenchido com espuma.

Ford_WRC_Safety_Fiesta_RS_L

As características de segurança dos veículos de competição mais recentes provaram a sua mais valia recentemente quando o piloto Jari-Matti Latvala e o co-piloto Miikka Anttila sairam ilesos após o seu Focus RS WRC ter caido mais de 200 metros por uma ravina em Portugal no ano de 2008.

A Ford apoia activamente a campanha para a Segurança Rodoviária da Federation Internationale de l’Automobile (FIA). Lançada no ano passado pela direcção para o desporto automóvel da FIA, a campanha visa educar e defender estradas, veículos e comportamentos mais seguros. O Ford Fiesta RS WRC exibe orgulhosamente o logo desta campanha de apoio à iniciativa que visa reduzir acidentes e mortes nas estradas de todo o mundo.

  • As estrelas do Campeonato do Mundo de Ralis estão protegidas por uma estrutura anti-capotamento construída à mão e capaz de resistir a dez toneladas de peso, o equivalente a mais de nove versões de estrada do veículo;
  • São utilizados mais de 35 metros de tubos de aço da indústria aeroespacial, o equivalente a quase três autocarros, para fazer de cada estrutura uma "célula de sobrevivência";
  • Os pilotos Jari-Matti Latvala e Petter Solberg afirmam que tecnologias de segurança avançadas, como esta, proporciona-lhes confiança para obterem fracções de segundo cruciais aos seus tempos em troços cronometrados.

Ford_WRC_Safety_Fiesta_RS

NO COMMENTS

Leave a Reply

*