A saga Renault Espace, o sucesso de um precursor

A saga Renault Espace, o sucesso de um precursor

0 509

Nos seus 28 anos de história o Renault Espace soube conquistar e fidelizar inúmeros clientes, vendendo só na Europa, mais de 1,2 milhões de unidades.

Aquando do seu lançamento, em 1984, o Renault Espace criou o conceito de monovolume, uma ideia revolucionária nascida da cooperação entre a Renault e a Matra.

1984 – Espace I : primeira apresentação à Imprensa em Abril e comercialização em Julho. A modularidade do Espace surpreende. É possível retirar os 5 bancos traseiros e criar um verdadeiro salão movimentando os bancos dianteiros. A Renault estreia o seu slogan “ao ritmo da vida”.

1991 – Espace II : a segunda geração do Espace assume um carácter mais dinâmico com um design mais fluído. A ergonomia vai ainda mais longe, com os bancos traseiros assentes sobre calhas. Com a introdução do motor V6, associado a uma caixa automática, o Espace assume definitivamente o seu estatuto de “topo de gama”.

1996 – Espace III : Ainda mais espaço disponível com a introdução, em Janeiro de 2008, de uma versão 27 cm mais longa chamada Grand Espace. Esta geração é a última da colaboração entre a Renault e a Matra, no que à produção do Espace diz respeito.

2002 – Espace IV : esta nova geração é inteiramente produzida pela Renault e concebida utilizando uma plataforma comum ao Laguna 2 e ao Velsatis. O seu design exprime uma forte personalidade colocando definitivamente o Espace no segmento dos grandes monovolumes topo de gama. Na 4ª geração uma das inovações mais importantes diz respeito à carroçaria que deixa de ser em materiais compósitos passando a ser em aço.

2012 – a saga continua… à frente do seu tempo o Espace inventou há 28 anos o monovolume. Desde aí não parou de se reinventar com pequenas/grandes evoluções, mas mantendo sempre o mesmo ADN.

NO COMMENTS

Leave a Reply

*