Renault revela Scénic XMOD

Renault revela Scénic XMOD

Depois do Captur, a Renault revela agora o Scénic XMOD, um monovolume com look de crossover, que com o seu inovador sistema de controle de tracção Extended Grip, o novo motor TCe 130 e a nova identidade de design da marca – transforma a gama do Renault Scénic.

Com um design desportivo e elegante, a variante mais aventureira do Scénic é o resultado de uma feliz «aliança» entre o estilo de um crossover e o universo dos monovolumes. Com uma maior altura ao solo e jantes em liga leve específicas, este modelo tem um design expressivo onde apresenta já a nova identidade de design da marca francesa, e onde estão presentes as características de um crossover: pára-choques dianteiro e traseiro específicos, protecções inferiores da carroçaria e barras de tejadilho cromadas.

No interior, o Scénic XMOD propõe um verdadeiro cockpit para o condutor com uma consola central fixa onde são integradas diversas funções como o comando do Extended Grip – o novo sistema de controle de tracção – e o joystick multidireccional de comando do interface multimédia. Com o sistema de afixação digital TFT, o painel de bordo recebe, na perfeição, o sistema multimédia táctil e conectado Renault R-Link.

O Scénic XMOD é o primeiro modelo da gama Renault a dispor do novo dispositivo Extended Grip que é um sistema avançado de controle de tracção que permite ao automóvel uma maior aderência em conduções difíceis (neve, lama, areia…). Com a activação manual do comando colocado na consola central, o condutor pode escolher três diferentes modos de assistência.
No modo «expert», o dispositivo faz a gestão do sistema de travagem, deixando ao condutor a gestão total do controle do binário do motor. O modo « estrada » corresponde às regulações clássicas de um sistema anti-patinagem e liga-se automaticamente quando a velocidade atinge os 40km/h. O modelo « solo escorregadio » optimiza os controles dos travões e do binário do motor, em função das condições de aderência.

O Scénic XMOD conserva os pontos fortes que fizeram do Scénic a referência do segmento dos monovolumes compactos. Com uma bagageira de 555 litros, o volume de carga está entre os melhores da sua categoria. E, nada menos que 71 litros de capacidade suplementar estão repartidos em diversos locais no interior do habitáculo.

A modularidade do Scénic XMOD é simples, eficaz e rápida: os bancos são independentes, rebatíveis e removíveis oferecendo, por isso, inúmeras configurações para os passageiros. O Renault Scénic XMOD será fabricado na unidade de Douai, em França.

O Renault Scénic XMOD será apresentado, em estreia mundial, a 5 de Março de 2013 no Salão Automóvel de Genebra.

[nggallery id=378]

2 COMMENTS

  1. Estão alterar o estilo de veiculo, tornando mais um todo terreno e não um turismo para a familia adaptado com multifunções, isto não é a direcção de encontro com os clientes da scenicII e ScenicIII.
    Se pensam no cliente de todo o terreno, não acredito que tenha aceitação.
    Não descreve os motores e consumos?

  2. Efectivamente é um novo caminho para o Scénic, mas também poderá chegar a novos clientes, até porque a versão normal manter-se-á.

    Quanto a motorizações, mantém-se inalteradas face à versão normal, incluindo o bloco a gasolina Energy TCe 115 e os diesel Energy dCi 110 e 130.

Leave a Reply

*