Ford Focus é o mais vendido

Ford Focus é o mais vendido

0 397

ford-focus

O Ford Focus, o veículo mais vendido no mundo em 2012, manteve o título no primeiro semestre de 2013.

Adicionalmente, o Ford Fiesta ocupa o quarto lugar como veículo mais vendido, tornando a Ford a única marca a ter dois modelos entre os cinco mais vendidos a nível global, de acordo com a análise Ford dos dados globais da Polk de veículos matriculados.

No primeiro semestre de 2013 o Ford Focus cresceu 20% em relação ao mesmo período do ano passado, para 589.709 matrículas, impulsionado principalmente pelo aumento da procura dos clientes na China e outros países asiáticos. Na China, o aumento de vendas do Focus é de 137% desde 2012, com um total de 202.380 veículos, tornando a China o maior mercado global deste modelo com um terço das vendas do Focus.

Xiao Bing, de 31 anos de idade, gerente de vendas numa empresa de tecnologias de informação em Pequim, é um dos clientes do novo Focus. "O novo Focus tem uma imagem ‘high-tech’ e corresponde às minhas expectativas estéticas", diz Bing. "Mudou significativamente em comparação com o modelo anterior. A sua condução é fantástica. Quando o testei, o novo Focus curvava com grande suavidade. No geral, é a melhor combinação estética, desempenho, custo e economia de combustível. "

Os clientes estão também a responder com entusiasmo ao Focus noutros países asiáticos. Até Setembro, a Ford regista um aumento de vendas do Focus de 193 por cento na Indonésia, 72 por cento quer nas Filipinas, quer no Vietnam, e 42 por cento na Tailândia.

ford-fiesta

Fiesta também é campeão de vendas

O Ford Fiesta junta-se ao Focus entre os cinco modelos mais vendidos a nível global e alcança a marca de subcompacto mais vendido em todo o mundo, com 356,434 unidades matriculadas nos primeiros seis meses de 2013.

As vendas globais combinadas dos modelos mais pequenos da Ford a nível global – Fiesta e Focus – totalizam 946.143 veículos durante os primeiros seis meses do ano, representando um aumento de 8%.

NO COMMENTS

Leave a Reply

*