Geral

Nova gama Dacia Bi-Fuel

Desde 2013 que a Dacia definiu a oferta de motorizações bi-fuel (gasolina + GPL) como uma aposta estratégica e, desde 2016, que assumiu a liderança do mercado Português neste tipo de oferta. Aliás, a Dacia é a única marca a oferecer uma gama completa equipada com motores bi-fuel. Esta oferta é agora inteiramente renovada com a introdução, na generalidade dos modelos, do moderno e tecnológico motor TCe 100 ECO-G.

A Dacia iniciou, em 2013, a oferta de motorizações bi-fuel na gama e, desde 2016, que é líder incontestada do mercado Português nesta oferta. Em 2019, 56% dos automóveis bi-fuel vendidos em Portugal, ostentavam a marca Dacia.

À cada vez mais vasta oferta de tipos de propulsão disponíveis no mercado, a Dacia contrapõe o facto de ser a única marca a oferecer uma gama completa de motorizações bi-fuel (com exceção do modelo Dokker), que se constitui como uma verdadeira alternativa às tradicionais motorizações a gasolina e diesel.

A nova gama bi-fuel da Dacia tem por base um motor desenvolvido com as mais recentes tecnologias: o TCe 100, cuja comercialização se iniciou, aliás, na gama da Renault, com o Novo Clio. Um bloco três cilindros turbo, com 999 cc de cilindrada, 100 cavalos, que é referência no seu segmento de potência em desempenhos e consumos.

Mas esta renovação da oferta bi-fuel da marca traz uma outra novidade muito significativa. Para além dos “tradicionais” modelos Sandero, Logan, e Logan MCV, o novo motor TCe 100 ECO-G passa agora a estar disponível também no seu mais icónico modelo: o Duster.

A enorme experiência do Grupo Renault na tecnologia (todas as versões bi-fuel, independentemente de serem da marca Renault ou Dacia são montadas em fábrica) é a melhor garantia que não são feitas quaisquer cedências em matérias tão importantes como qualidade, fiabilidade (os planos de manutenção e as garantias são em tudo idênticas às versões a gasolina ou diesel) e segurança. Aliás, neste aspeto, sublinhe-se que o motor TCe 100 Bi-Fuel é equipado com válvula de retenção, limitador de enchimento a 80%, limitador de fluxo, electroválvula e válvula de segurança.

Gama Dacia bi-fuel equipada com um motor da última geração

ECO-G foi a designação escolhida pela Dacia para diferenciar todas as versões bi-fuel (GPL e gasolina), sendo de sublinhar que é a única marca do mercado que (com exceção do Dokker), oferece versões GPL em todos os modelos: Sandero, Logan, Logan MCV, Duster e Lodgy, embora este último recorra ao bloco de 1.598 cc de cilindrada e 110 cavalos de potência.

Com custos de utilização e emissões de CO2 sem paralelo no mercado, o novo motor 1.0 turbo de três cilindros, TCe 100 ECO-G, passa a estar disponível nos modelos Sandero (versões Stepway incluídas), Logan , Logan MCV (incluindo a versão Stepway) e Duster. Um bloco que surge associado a uma caixa manual de 5 velocidades e que proporciona um elevado prazer de condução, graças aos generosos 100 cavalos de potência e 170 Nm de binário logo às 2000 rpm – mais 10 Nm que a versão equivalente a gasolina, sublinhe-se! Números que asseguram uma resposta pronta às solicitações do acelerador e uma acrescida vitalidade numa alargada faixa de regimes. As emissões de CO2 também são mais reduzidas, com uma descida de 10% quando comparadas com a versão a gasolina.

Follow Me:

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.