Timber by EMSIEN-3 LTD
Tags Posts tagged with "coupé"

coupé

0 661

jaguar_f-type_coupe

O novo coupé desportivo britânico, anunciado como “o Jaguar de série mais eficaz, dinâmico e mais focado na performance de sempre” chega ao mercado português na próxima Primavera, com preços a partir de 87.770 euros.

O F-Type Coupé assenta numa plataforma totalmente construída em alumínio, tem uma estética inspirada no C-X16 Concept, e vai estar disponível em três versões a gasolina: F-Type Coupé (a partir de 87.770 euros), F-Type S Coupé (a partir de 101.050 euros) e F-Type R Coupé (a partir de 146.504 euros). As duas primeiras versões estão equipadas com um motor V6 3.0 Supercharged com 340 e 380 cavalos, respetivamente. A aceleração dos 0 aos 100 km/h é cumprida em 5,3 e 4,9 segundos, enquanto a velocidade máxima varia entre os 260 e os 275 km/h. Por fim, e a pensar em todos aqueles que procuram emoções mais fortes, o F-Type R recorre a um motor V8 de 5.0 litros, igualmente sobrealimentado, com 550 cavalos de potência e 680 Nm de binário máximo, com o qual é capaz de acelerar até aos 100 km/h em 4,2 segundos e alcançar os 300 km/h de velocidade máxima.

Todos os modelos estão equipados com transmissão automática Quickshift de oito velocidades, que pode ser comandada a partir de patilhas no volante ou através da alavanca SportShift incorporada na consola central. Em opção, as versões F-Type R e F-Type S Coupe podem incorporar um sistema de travões cerâmicos em carbono (Carbon Ceramic Matrix, CCM) com discos de 398 mm de diâmetro no eixo dianteiro e 380 mm no eixo traseiro.

Preços:
F-Type Coupé V6 3.0 340cv – 87.770 euros
F-Type S Coupé V6 3.0 380cv – 101.050 euros
F-Type R Coupé V8 5.0 550cv – 146.504 euros

jaguar_f-type_coupe_2

jaguar_f-type_coupe_3

jaguar_f-type_coupe_4

jaguar_f-type_coupe_5

jaguar_f-type_coupe_6

jaguar_f-type_coupe_7

jaguar_f-type_coupe_8

jaguar_f-type_coupe_9

0 1095

Três anos após o arranque de sua comercialização, o Laguna Coupé adquire agora um estilo ainda mais desportivo, por força da integração dos faróis diurnos de LED – de série em todas as versões – e da nova gama de jantes em liga leve de 17 polegadas, de série logo a partir do primeiro nível de equipamento. No novo Laguna Coupé, a versão GT 4Control passa a disponibilizar a oferta do tecto panorâmico negro (em qualquer cor da carroçaria) que até agora estava reservada à série limitada Monaco GP.

O estilo mais desportivo do novo Laguna Coupé alia-se perfeitamente à existência, em todas as versões, do sistema 4Control de quatro rodas direccionais, sistema unanimemente elogiado pela imprensa pela sua eficácia, que confere ao Laguna Coupé um comportamento dinâmico de excepção e, em simultâneo, um elevado prazer de condução e uma segurança sem paralelo.

Por baixo do capot, o novo Laguna Coupé recebe três variantes do reconhecido motor 2.0 dCi da Renault. O bloco M9R estará disponível com as potências de 150, 175 e 180 cavalos, todas equipadas com filtros de partículas. O motor dCi 175 estará disponível unicamente associado à caixa de velocidades automática de 6 relações.

O novo motor Energy dCi 150 beneficia dos 35 anos de presença da marca na Fórmula 1, que possibilitaram o desenvolvimento de novas tecnologias que agora são aplicadas nos motores de série.

Equipado com os sistemas Stop & Start e Energy Smart Management (ESM), o motor Energy dCi 150 apenas emite 118 g CO2. Ou seja, uma redução de 13 % face à versão anterior. As versões de 175 e 180 cv apresentam, também, no Novo Laguna Coupé, uma redução, respectivamente, de 9 e de 6 gramas de CO2, graças à generalização do ESM (ver caixa) no motor M9R.

Com um consumo de 4,5 litros/100 km, menos 0,6 litros/100 km que a geração anterior, e um elevado binário de 340 Nm, o Novo Laguna Coupé, equipado com o motor Energy dCi 150, prova que um desportivo pode ser, ao mesmo tempo, económico e respeitador do ambiente.

Este modelo beneficia ainda, tal como toda a gama de modelos da Renault, da garantia contratual de 5 anos ou 150 000 km.

[nggallery id=290]

0 528

A Opel acaba de anunciar os preços do novo Astra GTC, modelo cuja comercialização arranca já em Janeiro de 2012. As suas linhas agressivas denunciam de imediato o posicionamento desportivo do Astra GTC, que se caracteriza pelas suas excelentes performances, versatilidade e habitabilidade.

Está equipado com um chassis exclusivo e uma nova suspensão dianteira com estrutura HiperStrut derivada do Insignia OPC, conjugada com o eixo traseiro com articulação Watt (que simula a suspensão independente num eixo de torsão), juntamente com o sistema Flex Ride. Para completar este conjunto, os amortecedores adaptativos conferem um comportamento excelente. Também a altura ao solo foi reduzida em 15 mm, enquanto que a distância entre eixos sofreu um aumento de 10 mm, e ambas as vias estão também mais largas, com 1584 mm (mais 40 mm) à frente e 1588 mm (mais 30 mm) atrás, em relação à versão «normal» do Astra.

Em termos mecânicos, o novo Opel Astra GTC contará na fase de lançamento com três motores: 1.4 Turbo a gasolina com 140 cavalos de potência e 200 Nm binário máximo. Esta motorização permite-lhe acelerar dos 0 aos 100 km/h em 9,9 segundos, e uma velocidade máxima de 201 km/h. Quanto a consumos e emissões, a Opel reclama 5,9 l/100 km em ciclo misto e emissões de CO2 de 140 g/km.

Também a gasolina, teremos o motor 1.6 Turbo com 180 cavalos e 230 Nm de binário máximo, conseguindo atingir uma velocidade máxima de 220 km e precisando de 8,3 segundos para cumprir a tradicional aceleração dos 0 aos 100 km/h. O consumo misto anunciado é de 7,2 l/100 km e as emissões de CO2 fixam-se nos 168 g/km.

Por último, na fase de lançamento, estará também disponível o motor diesel 2.0 CDTI, com 165 cavalos de potência e 350 Nm de binário máximo. A velocidade máxima é de 210 km/h e necessita de 8,9 segundos para acelerar dos 0 aos 100 km/h. O consumo em ciclo misto anunciado é de 4,8 l/100 km e as emissões de CO2 fixam-se nos 127 g/km.

Em todas as versões estará presente o sistema Start & Stop, filtro de partículas e caixa manual de seis velocidades.

Mais tarde, a gama será reforçada com os motores 1.7 CDTI, disponível nas variantes de de 110 e 130 cavalos, e com o lançamento do Astra GTC OPC, o mais «explosivo» da gama, com 280 cavalos de potência e 400 Nm de binário máximo.

No que toca a preços, Os preços da versão coupé da gama Astra arrancam nos 25.100 euros para a versão Astra GTC 1.4 Turbo de 140 cavalos; já pela versão Astra GTC 1.6 Turbo de 180 cavalos estão a ser pedidos 26.600 euros; finalmente, a versão Astra GTC 2.0 CDTI de 165 cavalos será proposta por 32.700 euros.

[nggallery id=180]

2 647

O novo Mercedes C 63 AMG Coupé «Black Series», é o mais potente Classe C de sempre, já tem preços para o mercado português, e já está disponível para encomenda nos concessionários da marca alemã.

O C 63 AMG Coupé «Black Series» distingue-se pela sua aparência mais musculada, de onde se destacam os para-choques específicos, e o maior número de entradas de ar; e pelo motor V8 de 6.2 litros capaz de desenvolver uns incríveis 517 cavalos e 620 Nm de binário máximo. Associado a este bloco encontra-se caixa automática de sete velocidades Speedshift MCT7, conjunto que permite ao desportivo cumprir a aceleração dos 0 a 100 km/h em apenas 4,2 segundos. A Mercedes anuncia consumos de 12.2 l/100 km, e 286 g/km de emissões de CO2.

Entre as novidades, está um novo diferencial com 3 modos de controlo de tração, e o sistema de travagem que recebeu modificações profundas, passando a estar equipado com discos de travão de medida 390×36 à frente e 360×26 mm atrás, e maxilas de seis pistões.

Conforme já foi referido, os concessionários oficiais da Mercedes-Benz já aceitam encomendas do novo coupé desportivo, com preços a partir de 163 200 euros.

[nggallery id=215]

0 862

Já está disponível no mercado nacional a nova gama Audi A5, nas variantes Sportback, Coupé e Cabrio.

Em termos estéticos, diferencia-se pela grelha «single frame», grupos ópticos (incluindo luzes LED),  pára-choques (o dianteiro passou a integrar faróis de nevoeiro rectangulares em vez de redondos) e capot. Passa também a existir uma maior oferta de cores para a carroçaria (16 no total), e na variante Cabrio, a capota em lona é proposta em 4 tonalidades diferentes.

Por sua vez, no habitáculo, saltam à vista apenas algumas diferenças em relação à anterior versão, com destaque para as inserções cromadas no volante, os comandos da climatização e do selector da transmissão automática possuem um novo desenho e o sistema MMI conta com uma nova versão actualizada com mais funções. O assistente de transposição de faixa, o cruise control adaptativo, e o sistema Audi Braking Guard (que trava automaticamente até 30 km/h em caso de colisão eminente) completam o conjunto.
O sistema Audi Drive Select também foi revisto, passando a integrar um quinto modo, designado «Efficiency», juntando-se, assim, aos «Comfort», «Sport», «Auto» e «Individual» já existentes.

No que toca a motorizações, foi introduzido o renovado motor 2.0 TDi de 177 cavalos, um 2.0 TDi de 143 cavalos e um V6 3.0 TDi nas variantes de 204 e 245 cavalos. Do lado dos motores a gasolina a nova gama A5 conta com o também revisto 1.8 TFSI de 170 cavalos (oferece mais 10 cavalos de potência e mais 70 Nm de binário máximo), que se junta ao 2.0 TFSI de 211 cavalos. Está também disponível um bloco 3.0 V6 TFSI de 333 cavalos para o S5.

Os preços arrancam nos 42.000 euros, para a versão Sportback 2.0 TDI de 143 cavalos e terminam nos 81.700 euros do desportivo S5. Para o Coupé, os preços começam nos 42.950 euros, para a versão equipada com o motor 1.8 TFSI e termina nos 82.500 euros do S5. No Cabrio, os preços começam nos 48.450 euros da versão 1.8 TFSI e terminam nos 88.000 euros do S5.

0 306

Lendário Jensen Interceptor está de voltaA Healey Sports Car, proprietária da marca Jensen, chegou a acordo com a especialista britânica CPP Global Holdings para desenvolver e produzir uma versão moderna do lendário modelo Jensen Interceptor, construído entre 1966 e 1976.

O novo Interceptor manter-se-á fiel ao conceito original, um coupé de quatro lugares e linhas muito desportivas, e contará com chassis e carroçaria em alumínio.

A sua estreia mundial deverá acontecer no final de 2012, e as primeiras entregas deverão arrancar em 2014.

0 349

Kia revela protótipo de berlina desportivaA Kia mostrou as primeiras imagens do protótipo, cujo nome não foi revelado, de uma berlina desportiva de quatro portas, com formas de coupé, e tração traseira.

Desenhada por Peter Schreyer, responsável de design do construtor sul-coreano, esta berlina de linhas dinâmicas e arrojadas estará em principal destaque no stand da Kia, no Salão Automóvel de Frankfurt, em conjunto com a versão de três portas do Kia Rio e do renovado Kia Soul. "É impossível ficar indiferente a este protótipo. Ele transborda energia e parece pronto a arrancar. Estamos prontos a avançar e a inaugurar um novo capítulo na nossa história", referiu Peter Schreyer.

A marca não divulgou para já mais detalhes, mas tudo indica que este protótipo recorra à plataforma do Hyundai Genesis, assim como o motor V8 a gasolina.

Imagens concept berlina Kia
[nggallery id=229]

ARTIGOS ALEATORIOS

0 448
A Renault associou-se à Qualcomm Technologies e à Vedecom num projeto de carregamento dinâmico de veículos elétricos, que permite carregar 20 kW a uma...